Trajetória da Cetrel é marcada por inovação e sustentabilidade

Há mais de 40 anos a Cetrel tem demonstrado uma grande capacidade de transformação para contribuir com a sociedade mantendo seu compromisso com um crescimento pautado pela inovação e sustentabilidade. Criada como um sistema centralizado de coleta, transporte e tratamento de efluentes, a empresa foi um importante marco para o Polo Industrial de Camaçari, que já iniciou suas operações em 1978 de forma vanguardista, adotando a concepção de integração de seus processos, inclusive na vertente ambiental, demonstrando uma forte preocupação com a preservação dos sistemas hídricos da região.

De acordo com o diretor Administrativo Financeiro da Cetrel, Rafael Christo, a visão da empresa é se consolidar como uma referência internacional em soluções de engenharia ambiental.

"Nesse sentido, temos grandes desafios pela frente. Precisamos demonstrar cada vez mais a nossa alta capacidade de realização para contribuir com o sucesso dos nossos clientes, integrantes e sociedade, através de soluções inovadoras e sustentáveis. Superar desafios e expectativas é a nossa marca para o crescimento, porque promover o desenvolvimento sustentável, gerar mudanças e fazer a diferença na vida das pessoas e no meio ambiente é o nosso propósito, é o nosso compromisso com o futuro”, afirma o diretor.

A escolha desse caminho tem dado certo. Em 2018, a Cetrel alcançou 93% de satisfação numa ampla pesquisa realizada junto aos seus clientes, aumentando a responsabilidade de um atendimento que cada vez mais gere um elevado valor agregado aos serviços prestados pela empresa, que está em constante evolução.

Nos anos 80, por exemplo, acompanhando as mudanças da legislação ambiental e a decisão da ampliação do Polo no final da década, a Cetrel passou a atuar na área de tratamento de resíduos sólidos e de incineração de resíduos líquidos e sólidos perigosos, verificando que novas ações ambientais seriam necessárias para permitir o crescimento do setor.

"Desta forma, como extensão do sistema de tratamento de efluentes, entrou em operação um moderno sistema de disposição oceânica, com um emissário submarino que beneficiou a autorrecuperação dos rios Capivara Pequeno e Jacuípe. Também no início dos anos 90, tivemos a implantação do Programa de Monitoramento do ar na área de influência do Polo, bem como do Programa de Gerenciamento dos Recursos Hídricos Superficiais e Subterrâneos da região, ambos com importantes serviços prestados ao meio ambiente e com grande interface com as comunidades vizinhas”, explica Christo.

Ele conta que a Cetrel, no ineicio dos anos 2000, introduziu o negócio de coprocessamento, instalando uma das maiores plantas de blendagem do país, primeira iniciativa na direção de valorização de resíduos, retornando ao ciclo produtivo rejeitos com potencial de aproveitamento energético e material. A legitimação da competência desenvolvida e o conhecimento adquirido dos recursos hídricos da região levaram a Cetrel, em 2013, a assumir a operação e a manutenção da DAC – Distribuidora de Águas de Camaçari, responsável pela captação, tratamento e distribuição de águas para as empresas do Complexo Básico do Polo, promovendo a utilização sustentável dos mananciais da região.

“Seguindo nessa linha, a empresa implantou uma unidade de reuso de água através de um projeto reconhecido nacionalmente e que ajudou a Cetrel a dar os primeiros passos na direção da economia circular, hoje parte importante da nossa estratégia e do portfólio do negócio”, completa Rafael Christo. 

Economia Circular

A Cetrel sempre atuou como balizadora das questões ambientais com o objetivo de promover a sustentabilidade. Seu compromisso com o meio ambiente pode ser traduzido na operação eficiente e responsável dos sistemas de controle ambiental, prevenção da poluição e reutilização de recursos naturais.

Somente entre 2017 e 2018, a empresa tratou ou destinou mais de 52 mil toneladas de resíduos utilizando técnicas de incineração e coprocessamento e na área de efluentes tratou um total de 27 milhões de metros cúbicos.

Hoje, possui uma média de 130 Clientes de diversos segmentos industriais e portes variados, mantendo o destaque para os setores de Química & Petroquímica, Papel & Celulose, Mineração & Siderurgia, Óleo & Gás, Automotivo e Alimentício , sem nunca parar de inovar em sua forma de atuação para cuidar do meio ambiente, agora também inserida no conceito de economia circular, uma vez que a renovação faz parte dos seus pilares estratégicos.

“A Cetrel planeja uma atuação consistente com seu propósito para contribuir com o crescimento econômico sem aumento do consumo de recursos naturais. Além de todos os projetos de melhoria operacional e otimização de ativos, temos importantes investimentos voltados para sustentabilidade e segurança hídrica na região do Polo Industrial de Camaçari, além de projetos em desenvolvimento em outras regiões. Em âmbito nacional, prevemos investimentos em sistemas de tratamento de efluentes e reuso de água e dessalinização em unidades industriais de clientes”, sinaliza o diretor Administrativo Financeiro.

Ele também destaca como relevante os investimentos associados ao conceito da economia circular, como a implantação de um modelo de negócio que visa implantar e integrar sistemas de engenharia reversa, reciclagem e reuso, contribuindo para o reaproveitamento de materiais, energia e água.

“O projeto engloba desenvolvimento de tecnologia, formação de parcerias e construção de unidades escalas, piloto e comercial. Além dos investimentos em ativos e em pesquisa e inovação, temos apostado fortemente na qualificação e desenvolvimento do nosso pessoal, assim como no ambiente de trabalho. Neste sentido, temos muito orgulho de estarmos posicionados entre as melhores empresas para se trabalhar no país”, completa Rafael Christo.  Segundo ele, todos os esforços da Cetrel estão voltados para sua missão de contribuir para soluções circulares que respeitem a sociedade e o meio ambiente.

"Com a busca pela sociedade por soluções circulares, a Cetrel foi incentivada a avançar ainda mais nesta linha para desenvolver processos que tragam os resíduos de volta às cadeias que os geraram. É o caso da reciclagem de plásticos, onde estão concentrados dois dos grandes projetos de crescimento da companhia”, exemplifica.

Além da reciclagem, Christo lembra que a Cetrel também oferece soluções para reuso de água, retornando-a para o processo através do tratamento dos efluentes dentro da própria indústria.

De fato, os processos da economia circular ajudam a redefinir a noção de crescimento do setor, com foco em benefícios para toda a sociedade. Utilizando o resíduo plástico da indústria, bem como o de embalagens vindas do consumo em geral, por exemplo, a Cetrel planeja produzir matérias-primas para a indústria química e de produtos plásticos e energia.

"Desta forma, o resíduo retorna ao processo produtivo, inserindo-o na mesma cadeia de produção do qual é originado, tornando os processos mais sustentáveis e perenes sob diversos aspectos. Através da reciclagem de plásticos, uma forma muito evidente de economia circular, a Cetrel contribui para o aumento da disponibilidade de recursos produtivos e redução de consumo”, garante o diretor.

Na mesma linha está o reuso de água. Através do tratamento sustentável de efluentes é possível reduzir a emissão desses rejeitos no ambiente, além de reduzir a captação de recursos hídricos. Além da diminuição de emissão de poluentes e do consumo de água, o procedimento garante mais competitividade para a  indústria e elimina restrições de produção decorrentes da escassez de água.

São infinitas as oportunidades de repensar e redesenhar as formas de produção, considerando o conceito "Re-thinking Progress”, ou seja, de uma economia restaurativa com uma mudança sistêmica, com efeito a longo prazo e que proporcione benefícios ambientais reais. Através da experiência em processos de tratamento de efluentes, água e resíduos, a Cetrel desenvolve exatamente essas soluções, analisando a condição de cada empresa e provendo todos os estudos, projetos e operação, além da disponibilidade dos ativos atuais.

"Nesta toada que vem as unidades de reuso de água e a revisão do sistema de tratamento de efluentes, tornando os processos mais otimizados sob o aspecto ambiental e econômico. Através das soluções em reciclagem de plásticos, por exemplo, a Cetrel provoca uma mudança comportamental, iniciando desde a coleta de rejeitos até a utilização de materiais e energéticos provenientes da reciclagem. E também estamos estudando fechar o ciclo de outras cadeias através de soluções de alta tecnologia e desenvolvimento”, promete Rafael Christo.

Todas essas ações têm uma importância fundamental para o desenvolvimento do Polo Industrial de Camaçari e região, e até mesmo para Salvador, uma vez que não pode existir outra forma de crescimento econômico que não seja o sustentável. É o que move a Cetrel para aprimorar seu portfólio de serviços provendo soluções integradas e inovadoras aos seus clientes. No caso do Polo de Camaçari, esse aprimoramento técnico contribui para a competitividade de toda a cadeia produtiva, voltada para o menor impacto ambiental das operações do complexo industrial.

"Estamos focados na preservação das condições de uma importante região em termos de recursos hídricos. A vigilância permanente da qualidade do ar em uma área de influência industrial é outro bom exemplo, ajudando no diagnóstico e solução dos problemas. Vale ressaltar que as comunidades têm acesso contínuo às condições ambientais do Polo através do website da Cetrel”, pontua o diretor.

Por outro lado, ele diz que a Cetrel faz a destruição segura de resíduos perigosos, através de sistemas eficientes e monitorados, que atendem a restritos padrões de emissão. "Promovemos o retorno de resíduos não perigosos ao ciclo produtivo pelo aproveitamento energético ou substituição de matérias-primas oriundas de recursos naturais. Para isso, nos apoiamos na experiência adquirida em quatro décadas de atuação na gestão ambiental, inicialmente com foco regional. Agora, a Cetrel está ampliando seu portfolio e oferecendo soluções integradas que promovem o reuso de água e a reciclagem de resíduos em todo o território nacional".

Com isso, Rafael Christo acredita que a Cetrel se consolida como um dos players atuantes na economia circular, levando inovação e sustentabilidade a todos os setores industriais.

COFIC DIGITAL - EMPRESAS PATROCINADORAS
PROGRAMAS COFIC
Rod. BA 512, Km 1,5 - Fazenda Olhos D'Água - Camaçari-BA. - Cep. 42810-440